Fiep empossa novo conselho diretor da Câmara de Arbitragem e Mediação

Rafael Munhoz de Mello assume a presidência da CAMFIEP, que trabalha na intermediação de litígios envolvendo empresas de todos os segmentos

O procurador jurídico da Fiep, Marco Antônio Guimarães, ao lado de Rafael Munhoz de Mello, Edson Campagnolo e Cesar Guimarães (Foto: Gelson Bampi)

Tomou posse nesta quarta-feira (9), em Curitiba, o novo conselho diretor da Câmara de Arbitragem e Mediação da Federação das Indústrias do Paraná (CAMFIEP). O presidente da Fiep, Edson Campagnolo, oficializou o advogado Rafael Munhoz de Mello na presidência da instituição, substituindo Cesar Augusto Pereira Guimarães, que exerceu a função nos últimos seis anos.

Criada em 2005, a CAMFIEP tem como missão administrar processos arbitrais e de mediação de maneira eficiente, ética e confidencial. Seus serviços estão disponíveis para a sociedade em geral, independentemente da natureza das atividades dos envolvidos. O primeiro processo instaurado na CAMFIEP foi em 2008. De lá para cá, um total de nove processos passaram pela Câmara, sendo oito de arbitragem e 1 de mediação, dos quais dois ainda estão em tramitação.

Em 2014, a CAMFIEP foi escolhida pelo governo do Paraná como a instituição arbitral a constar da cláusula compromissória do primeiro contrato de parceria público-privada (PPP) firmado pelo Estado. Em 2017 a Câmara foi indicada entre os melhores centros de arbitragem do Brasil na edição 2016-2017 do “Leaders League Intelligence Report & Directory Series”. Foi a única instituição paranaense e uma das duas da região Sul do país recomendadas pela publicação, que possui abrangência internacional.

“Apesar de, aparentemente, termos um número pequeno de casos, o fato de sermos a única câmara do Paraná nesse ranking internacional mostra que a decisão da Federação de criar e manter a CAMFIEP foi acertada”, disse Campagnolo. “Agradeço ao César, que é um entusiasta da arbitragem, pelo tempo em que esteve na presidência e desejo sucesso ao Rafael nesse trabalho de continuar colocando a CAMFIEP à disposição da comunidade empresarial”, completou.

Rafael Munhoz de Mello se disse honrado ao assumir o cargo e afirmou que a CAMFIEP, apesar de ser relativamente nova, é referência no cenário da arbitragem e mediação do Brasil. “A Câmara chega a um estágio de reconhecimento, principalmente pelo fato de já ter ingressado em um ranking internacional. Isso mostra que o trabalho até aqui foi bem realizado”, declarou.

Já Cesar Augusto Pereira Guimarães destacou que, nos últimos anos, a CAMFIEP trabalhou bastante na divulgação do conceito de arbitragem no Paraná. “Fico satisfeito com esse trabalho de divulgação que realizamos e nosso desafio agora é aumentar o número de casos atendidos”, disse o ex-presidente, que seguirá colaborando com a Câmara.

Além de Rafael Munhoz de Mello, nesta quarta também foram empossados Eduardo Talamini, como vice-presidente, e os diretores Flávio Ribeiro Bettega, João Bosco Lee, Jozélia Nogueira, Letícia de Souza Baddauy, Marco Antônio Guimarães e Maurício Gomm Ferreira dos Santos. Já Isabella Moreira de Andrade Vosgerau assume como secretária-geral e Diandra Domingues Cesário como secretária-geral adjunta.

About Author