Prêmio Sesi Indústria com a Escola e Painel de Especialistas marcaram a manhã do Congresso Sesi ODS

Premiados e convidados subiram ao palco para discutir ações em prol dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável

Na manhã desta quarta-feira, 23 de novembro, o presidente do Sistema Fiep, Edson Campagnolo, e o superintendente do Sesi e IEL no Paraná e diretor regional do Senai, José Antonio Fares, abriram o Congresso Sesi ODS. O início do evento foi marcado pela entrega do 1º Prêmio Sesi Indústria com a Escola, que reconheceu as escolas públicas com o melhor desempenho no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB) e com a melhor evolução, além do município com a nota mais alta.

Houve empate entre os municípios de Atalaia e Serranópolis do Iguaçu (nota 8,1). O prefeito de Atalaia, Fabio Vilhena, disse que o bom desempenho se deve ao envolvimento da comunidade, ao investimento na formação dos professores e à correta destinação dos recursos públicos. A Secretária de Educação de Serranópolis do Iguaçu, Maria Madalena Bertolini, apontou o lema educacional do município – a valorização do ser humano – como determinante.

Houve empate também entre as escolas com melhor resultado (8,5). Sendo assim, foram reconhecidas as instituições Ariovaldo Moreno, de Maringá, e Frederico Engel, de Foz do Iguaçu. A escola Maria Ines Speer Faria, de Bandeirantes, teve a melhor evolução, já que apresentou 81% de melhoria (de 4,2 em 2013, para 7,6 2015).

Das 150 mil escolas avaliadas no país, apenas 86 alcançaram notas acima de 6 – que é a meta nacional para 2020. Os municípios vencedores receberam troféu e certificado. Já os alunos das escolas reconhecidas vieram para Curitiba para o evento e partiram para São Paulo, onde farão um tour por espaços culturais.

Na sequência, iniciou-se o painel de especialistas. Mediado por Maria Cristhina Rocha, gerente de articulação estratégica e inovação social do Sesi no Paraná, contou com a participação de Rúbia Quintão, coordenadora geral de projetos especiais da secretaria nacional de articulação social da Presidência da República, que apresentou  a situação do Brasil em relação ao cumprimento da Agenda 2030; Pedro Luiz Fernandes, vice-presidente de assuntos corporativos e sustentabilidade da Novozymes Latin America, que lançou o segundo livro-aplicativo da Coleção Nova Perspectiva; e com as sócias do Clube da Alice, Monica Berlitz e Thayza Melo, que falaram sobre empreendedorismo feminino.

Ainda hoje, durante o Congresso Sesi ODS, acontecerá o lançamento da plataforma Empoderamento das Mulheres – Trabalho e Valorização e a entrega do Prêmio Sesi ODS 2016, que reconhecerá instituições que realizam ações em prol dos ODS.

Confira as fotos do que aconteceu pela manhã no Congresso.

Sobre os ODS

Os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS) foram destaque da Assembleia Geral da Organização das Nações Unidas (ONU), realizada em setembro em Nova York. Lançados no evento do ano passado, são uma evolução dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio (ODM).

Protagonista na Agenda 2030 da ONU, os ODS têm foco em cinco Ps – pessoas, planeta, prosperidade, paz e parcerias – para que a humanidade chegue a 2030 com desenvolvimento sustentável. Caso contrário, serão necessários três planetas Terra para atenderem os atuais padrões de consumo em menos de 35 anos. No Paraná, o Sesi é um dos principais agentes que trabalha em prol dos ODS e de sua divulgação.

About Author